MAPA MENTAL

A definição de um mapa mental é bastante simples. Trata-se de um diagrama simplificado que conecta informações em torno de um tema central. Você pode entender o mapa mental como uma árvore cujos galhos consistem em informações concisas que saem de um eixo principal. É uma ferramenta de brainstorm muito poderosa, porque facilita a memorização e o
aprendizado. 
 

Tony Buzan escreveu dezenas de livros sobre o assunto. Ele é uma das maiores autoridades vivas atualmente que tratam sobre o universo das técnicas de aprendizagem, desenvolvimento do cérebro, memória e leitura dinâmica.  

O mapa mental é revolucionário porque foi criado com base no funcionamento do cérebro. Segundo Buzan, esse órgão capta e guarda com mais facilidade informações sistematizadas em desenhos simples e palavras-chave que sintetizam um conteúdo. Essa é a estrutura de um mapa mental e o que o torna tão simples e eficaz.  

4 passos para criar o seu mapa mental: 

1.Defina o tema central do seu mapa 

2.Reúna a informação de que precisa 

3.Elenque as informações de maior prioridade 

4.Não tenha medo de reorganizar tudo

Exemplo:

Fazer um mapa mental não é uma tarefa complicada. Tudo o que você precisa é de um espaço em branco e muitas cores
para escrever – você pode usar papel e canetas coloridas ou alguma plataforma digital, a escolha é sua. Escolha o tema principal e coloque no centro do seu mapa; este é o assunto a ser mapeado. Deste “núcleo” puxe os “galhos”, cada galho é um subtópico do tema central, que também se ramifica à medida que as associações vão ficando mais específicas.:

 

Fonte: https://curseduca.com/blog/estudando-com-mapas-mentais-como-fazer-e-onde-guardar/

Quer ter acesso as melhores ferramentas para validação da sua ideia? 
Baixe agora o Thinking Inside the Box.

COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
plugins premium WordPress